Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Vida

World Travel Awards: Prémios para Conrad Algarve, Corinthia, Lapa Palace, The Vine e Vila Joya

  • 333

The Vine

DR

Lisboa, mais precisamente o Pátio da Galé, no Terreiro do Paço, foi o palco para a cerimónia de entrega de prémios World Travel Awards (WTA), considerados os "Óscares do Turismo". Nesta primeira edição na capital portuguesa foram muitos os prémios que distinguiram entidades nacionais, com destaque para os hotéis.

Na hotelaria, o Conrad Algarve, Chave de Ouro no Guia Boa Cama Boa Mesa 2018, foi eleito Melhor Resort de Luxo e Lazer do Mundo. Já o Corinthia Hotel Lisbon venceu na categoria Melhor Hotel de Cidade do Mundo e o madeirense The Vine Hotel, com decoração “vínica” e assinada por Nini Andrade Silva, foi considerado o Melhor Design Hotel do Mundo.

Construído no século XIX e um dos expoentes do luxo e requinte da cidade de Lisboa, o Olissippo Lapa Palace conquistou o "Óscar" para Melhor Hotel Clássico do Mundo. Em Albufeira, o multipremiado restaurante do hotel Vila Joya, liderado pelo chefe Dieter Koschina e Garfo de Ouro no Guia Boa Cama Boa Mesa 2018, junta novo feito ao “palmarés”, o de Melhor Restaurante Fine Dining de Hotel. Destaque, ainda, para a empresa de gestão hoteleira Amazing Evolution Management, distinguida como Melhor Operador de Boutique Hotel.

Inédito, foi o galardão atribuído a Portugal, pela segunda vez consecutiva, enquanto Melhor Destino do Mundo, e que mereceu uma forte ovação. No discurso de abertura da gala, o fundador dos World Travel Awards, Graham Cooke, referiu que esta era uma oportunidade para “celebrar Portugal”, que atravessa um “renascimento” turístico, visível no aumento de visitantes. A Madeira venceu na categoria de Melhor Destino Insular do Mundo.

A cidade de Lisboa foi contemplada com dois dos prémios mais ambicionados: Melhor Cidade Destino e, pela segunda vez, o de Melhor Destino City Break a nível mundial. Em junho, já tinha sido eleita Melhor Cidade Destino na Europa. “Vivemos esta gala dos WTA com uma dose dupla de orgulho e satisfação. Por um lado, ao sermos o palco desta grandiosa cerimónia temos a oportunidade de proporcionar experiências únicas a participantes de todos o mundo como só Lisboa consegue. Por outro, recebemos dois dos prémios mais cobiçados pelos principais destinos turísticos a nível mundial”, comenta Vitor Costa, diretor-geral da Associação Turismo de Lisboa.

Os amantes da natureza e das atividades ao ar livre ficarão satisfeitos com mais um reconhecimento para os Passadiços do Paiva: Melhor Atração Turística de Aventura do planeta. Esta infraestrutura, localizada na margem esquerda do Rio Paiva e integrada no Arouca Geopark, estende-se por 8 km – entre as praias fluviais do Areinho e de Espiunca -, no meio de “paisagens de beleza ímpar, num autêntico santuário natural, junto a descidas de águas bravas, cristais de quartzo e espécies em extinção na Europa”.

Igualmente notável é a consistência da Parques de Sintra – Monte da Lua, novamente considerada a Melhor Empresa de Conservação do Mundo. Tem, sob sua alçada, a gestão de ícones turísticos como o Parque e Palácio Nacional da Pena, os Jardins e Palácio de Monserrate, o Castelo dos Mouros e o Convento dos Capuchos.

Em sintonia com o galardão ao país, o Turismo de Portugal foi distinguido com o prémio de Melhor Entidade de Turismo, e o VisitPortugal.com foi considerado o Melhor Site de uma Autoridade de Turismo. Noite positiva para a TAP Air Portugal, que venceu nas categorias de Melhor Companhia Aérea a voar para África, Melhor Companhia Aérea a voar para a América do Sul. A sua revista, Up Magazine, é a Melhor Revista de Companhia Aérea. Para apurar os vencedores dos WTA 2018, contaram os votos online do público em geral e de milhares de profissionais da indústria do turismo.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!