Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Opinião

"15 anos depois, um novo ano zero"

  • 333

A primeira edição do, então, “Livro da Boa Cama e da Boa Mesa” é datada de 2003. Celebramos, por tal, 15 anos de edições, ininterruptas, o que, só por si, já seria motivo para assinalar a data. Desde 2003 até hoje, muito, mas mesmo muito, mudou na hotelaria e restauração em Portugal. O agora “Guia Boa Cama Boa Mesa” também mudou. E vai continuar a mudar, com o objetivo de melhor servir os seus leitores, muitos fiéis desde 2003, outros que se foram juntando, curiosos sobre quais são, em cada ano, os melhores em cada setor, quais as grandes novidades de cada nova edição. Foram feitas várias abordagens ao longo destes 15 anos, sempre com o objetivo de servir melhor os leitores, de os ajudar a encontrar os melhores locais para dormir, nas férias ou numa escapadinha, e os melhores locais, ao longo do país, ilhas sempre incluídas, para uma boa experiência gastronómica.

Entre fevereiro de 2017 e março de 2018, os jornalistas do Guia Boa Cama Boa Mesa percorreram milhares de quilómetros (e também muitas milhas aéreas) para conseguir avaliar perto de 1000 restaurantes e cerca de 700 alojamentos, entre hotéis, pousadas, unidades de Turismo em Espaço Rural, e de Alojamento Local, entre outras categorias. Mantiveram-se os critérios, afinando alguns dos procedimentos e métodos de avaliação. Seguimos também um objetivo de descentralização, identificando, sempre que existam, restaurantes e alojamentos representativos de todo os concelhos, privilegiando essa ocupação geográfica em detrimento da concentração nas grandes cidades, tornando assim, não apenas um guia de Boa Cama e de Boa Mesa, mas também um convite a descobrir Portugal, de norte a sul, do interior ao litoral, sem esquecer os arquipélagos dos Açores e da Madeira.

15 anos depois, um novo ano zero

Para assinalar estes 15 anos de edições, em 2018 o Guia Boa Cama Boa Mesa apresenta uma nova estrutura de prémios. Importa afirmar, em primeiro lugar que, ao constarem na edição anual do guia, os mais de 1000 restaurantes e alojamentos foram selecionados e considerados como aqueles que representam o melhor da oferta em Portugal. E, essa é a mais importante das distinções.

Depois, explique-se que, se até agora, eram atribuídos 25 Chave de Ouro e 1 Chave de Platina, e 25 Garfo de Ouro e 1 Garfo de Platina para destacar os melhores entre os melhores, este ano, foi criado um novo galardão, para cada uma das áreas, a Chave de Prata e o Garfo de Prata. Refira-se que, para qualquer um dos galardões não existe número limite de prémios. Estamos no ano zero de uma nova abordagem.

Será o desempenho de cada alojamento e restaurante ao longo do ano que vai ditar a atribuição de qualquer um dos prémios. Desta forma, todos os premiados vão ter de continuar a trabalhar para subir e/ou para não descer de categoria, ano após ano. Pretende-se que este novo critério contribua para que a mobilidade obrigue a fazer melhor, para bem dos utilizadores do Guia Boa Cama Boa Mesa, que são as pessoas que servimos, e para bem dos melhores hotéis e restaurantes de Portugal.

Em 2018, acompanhando a evolução do interesse dos leitores, o Guia Boa Cama Boa Mesa apresenta, nos distritos de Faro, Lisboa e Porto, uma seleção de restaurantes representativos das chamadas “Cozinhas do Mundo”. Na vertente “Boa Cama”, surge também um novo ícone – “Pet Friendly”-, com o objetivo de assinalar os alojamentos disponíveis para também receber animais de estimação.

O Guia Boa Cama Boa Mesa 2018 vai estar à venda a partir de dia 30 de março.

Obrigado pela vossa preferência. Vamos continuar a trabalhar para fazer mais e melhor.

Portugal merece. Os leitores merecem.