Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Opinião

"A arte de bem receber os visitantes"

  • 333
Manuel Proença, presidente do grupo Hoti Hotéis
1 / 5

Manuel Proença, presidente do grupo Hoti Hotéis

Homem Cardoso

Hotel Tryp Leiria
2 / 5

Hotel Tryp Leiria

Tryp Lisboa Oriente
3 / 5

Tryp Lisboa Oriente

Tryp Lisboa Oriente
4 / 5

Tryp Lisboa Oriente

Tryp Lisboa Oriente
5 / 5

Tryp Lisboa Oriente

Presidente do grupo Hoti Hotéis, Manuel Proença, explica a importância do "Mês da Empatia", que se integra na "prestação de serviços de excelência aos clientes e na cortesia e cordialidade com que acolhemos os nossos hóspedes".

Manuel Proença

Manuel Proença

Presidente do grupo Hoti Hotéis

Senti particular orgulho ao coordenar, pessoalmente, como sempre faço, o “Mês da Empatia”, que decorreu em Junho em toda a cadeia do Grupo Hoti Hotéis, a que presido. Desenvolvemos ao longo daquele mês um conjunto de acções com o foco centrado na prestação de serviços de excelência aos clientes e na cortesia e cordialidade com que acolhemos os nossos hóspedes. Os resultados compensaram o nosso esforço e dedicação.

Importa dizer que esta filosofia de inter-relação com o cliente, que radica na natureza e na missão do nosso Grupo, é praticada por todos, durante o ano, nas unidades hoteleiras. Só que o “Mês da Empatia”, que eu próprio tive o prazer de liderar, representa uma boa demonstração da “arte de bem receber”, assumida com legítimo orgulho por mim e por todos os colaboradores dos nossos Hotéis.

Os Hotéis Hoti privilegiam, de facto, uma relação distintiva com os seus clientes, no sentido de lhes proporcionar, a todos por igual, um ambiente amigo e um espírito positivo e de bem-estar. Acolher os hóspedes como membros de família, com a simpatia de um sorriso amigo e o respeito que lhe são devidos, faz parte do nosso ADN e das nossas “regras de ouro”. E isto torna os Hotéis Hoti distintivos da concorrência.

Temos uma cultura empresarial, hoteleira, social e cultural com raízes sólidas no sector e nas comunidades onde nos inserimos. E os colaboradores Hoti precisam de ser exemplares, no desempenho das suas funções, ter grande espírito de orgulho e de pertença em relação aos seus hotéis e ao Grupo Hoti. Sabe-se como é importante na indústria hoteleira a política de recursos humanos para a satisfação dos colaboradores e em consequência dos clientes.

Nós, no Grupo Hoti, temos procurado conjugar a modernidade dos hotéis - arquitectura, design, decoração, equipamentos, conforto… - com a eficiência e excelência dos serviços que prestamos. E queremos que, dia a dia, os nossos colaboradores associem à qualidade dos hotéis a sua qualidade profissional, competência, eficácia e simpatia: - gestos simples e amáveis, palavras corteses, sorrisos amigos, empatia. Julgo que esta política é uma das razões do nosso sucesso.

Sou empresário hoteleiro e criei o Grupo Hoti há trinta e cinco anos. Em 2014, foi-me atribuída – generosamente, reconheço - a distinção de “Personalidade do Ano” pelo que consideraram ser o meu “espírito empreendedor e capacidade de liderança”. Na verdade, como costumo dizer, subi na minha carreira a pulso.

Hoje, o Grupo Hoti integra uma das mais dinâmicas e importantes cadeias hoteleiras portuguesas: ocupa o 6º. Lugar no ranking em termos de presença nacional e o 2º. lugar quanto à oferta de serviços a terceiros. Temos marcas próprias de grande prestígio, como o Hotel da Música, no Porto, e marcas em franchising da Melia Hotels, como a TRYP ou a Meliá.

Possuímos unidades de elevada qualidade nas principais cidades do país. Recentemente, por exemplo, inauguramos o Tryp Leiria, num local privilegiado, junto ao centro histórico da cidade. Também remodelamos o emblemático Tryp Lisboa Oriente, no Parque das Nações, desenvolvendo o seu perfil de excelência. E acabamos de assinar um contrato para a construção de um 2º Hotel que duplicará a nossa capacidade hoteleira no Aeroporto de Lisboa.

Somos, enfim, um Grupo consciente da sua importância e da sua responsabilidade social no sector da hotelaria, no turismo, na cultura, na própria economia do país. Orgulhamo-nos do nosso passado, mas estamos muito focados para o futuro. É esse o nosso desafio.

Por Manuel Proença, presidente do grupo Hoti Hotéis

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook!
*Este texto foi escrito nos termos do novo acordo ortográfico.