Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Vida

Refúgios no Douro: Verão entre vinhas e vinhos

  • 333

A paisagem deslumbrante convida a demorados passeios, a mergulhos refrescantes e a provar de alguns dos melhores vinhos do mundo...

Descobrir o Douro, cenário de filmes, de aventuras e de emoções, é sempre um prazer. Pelas calmas águas do rio, recorde em cada recanto a razão porque o Douro é Património Mundial da Humanidade. Siga a rota Boa Cama Boa Mesa de alguns dos melhores refúgios para viver o verão rodeado de vinhas e vinhos de fama mundial.

Quinta da Gricha - Vineyard Residence

É a mais recente proposta enoturística do Douro, inaugurada há poucas semanas. A Quinta da Gricha – Vineyard Residence (a partir de €220), emoldurada pelas vinhas em socalcos onde são produzidos os vinhos do Douro e do Porto da Churchill´s, pretende promover a genuidade da região em ritmo próprio. Sem pressas ou cedências, cultiva-se o prazer de estar, inspirados pelo lento correr das águas do Douro, que se aprecia, de copo na mão, no terraço ou na piscina. A vertente de alojamento (obriga a um mínimo de duas noites), composta por quatro suítes, aproveitou (bem) a recuperação da casa, fundindo tradição e conforto. Os vinhos, mas também a gastronomia tradicional (preparada, por reserva, pelos caseiros), ajudam a criar um ambiente único e tranquilo. Mesmo que não fique alojado, por marcação, pode realizar uma visita à Quinta da Gricha (a partir de €15), bem como às vinhas e à adega, onde encontra lagares únicos, datados do século XVIII onde todos os vinhos do Porto da Churchill's são produzidos pelo método tradicional. O ideal é terminar à mesa, seja ao almoço ou ao jantar (desde €55).
Ervedosa do Douro, São João da Pesqueira. Tel. 254 422 136

Quinta de la Rosa

Suavemente espalhada por 55 hectares de encosta virada para o Douro, a Quinta de la Rosa foi reconvertida em 2017, apresentando agora 12 quartos e quatro suítes, todos com vista para o rio e acesso a uma piscina comum. Há ainda duas casas independentes, ambas com piscina privada, igualmente disponíveis. Em maio, e como homenagem à avó Claire, abriu portas o restaurante Cozinha da Clara. Organizam regularmente visitas e provas de vinhos, bem como passeios pela icónica vinha Vale do Inferno, plantada antes da I Guerra Mundial, bem como experiências únicas como nadar no Douro. Há ainda uma piscina privada, que mediante solicitação, pode ser usada pelos hóspedes. A partir de: € 135.
Quinta de la Rosa, 215, Pinhão. Tel.: 254 732 254

Quinta do Crasto
Com cerca de 130 hectares, 70 de vinha, a quinta goza de uma incrível panorâmica sobre a paisagem circundante do rio. Agora descontraia, visite o lagar, a adega, desfrute da piscina infinita, da autoria do arquiteto Eduardo Souto de Moura, e almoce ou jante (sempre sob reserva) na sala da casa familiar ou no agradável terraço. Na Quinta do Crasto há um vasto leque de programas podem ser “desenhados” à medida de cada cliente: visitas com provas de vinhos e almoços ou jantares que podem ser complementados com passeios de barco no rio Douro. A visita com prova fica em €18.45, se incluir almoço custa: €61,50.
Gouvinhas, Sabrosa. Tel.: 254 920 020

Quinta da Pacheca

Os novos proprietários deram uma nova vida a esta quinta secular junto a Lamego. A produção de vinho aumentou consideravelmente, bem como a aposta no enoturismo, iniciada em 2009, com a abertura de um hotel de charme. O The Wine House Hotel da Quinta da Pacheca, com 15 quartos (desde €120), conjuga-se na perfeição com a quinta, onde mais recentemente foi inaugurado um novo wine bar, que serve também de apoio à loja de vinhos. É o espaço ideal para relaxar depois de uma visita às vinhas e à adega, bem como para experimentar novas sensações gastronómicas e vínicas. No restaurante garantem-se refeições devidamente harmonizadas com vinhos da Pacheca (€45). Também pode optar por fazer uma visita guiada à quinta, com prova de vinhos (€9), ou deixar-se embalar pela beleza da paisagem, com um piquenique à medida (€32).
Rua do Relógio do Sol, 261, Cambres, Lamego. Tel.: 254 331 229

Quinta do Pôpa
Saber desfrutar das coisas boas da vida é uma arte. E fazê-lo com humor, ainda mais. Numa homenagem sempre emocionada à emblemática figura do avô, os atuais proprietários da Quinta do Pôpa fizeram nascer um espaço criativo e inovador. Atente às mensagens deixadas ao longo do caminho e, quando chegar à casa, com áreas que convidam a aproveitar a incrível vista, relaxe. Ouça as histórias deste sonho de família realizado enquanto observa a sala do tempo, os vários espaços de produção ou se aventura num piquenique na vinha (€28 para duas pessoas / €53 com visita e prova). Conhecer esta ode à criatividade custa €5, sem prova, €12,50, com prova de quatro vinhos, ou €25, com vinhos premium.
EN 222, Adorigo, Tabuaço. Tel.: 916 653 442

Quinta Nova Nossa Senhora do Carmo

Aqui nasceu o primeiro hotel vínico em Portugal. Pelas mãos de Luísa Amorim foi recuperada a antiga casa senhorial, que hoje oferece 11 quartos (desde €105), um wine bar, uma loja de vinhos, um restaurante vínico de excelência – Conceitus Winery -, uma adega, uma piscina panorâmica e ainda uma capela. A propriedade tem 120 hectares, que se espreguiçam até ao rio Douro. Pode, por isso, chegar à quinta de barco, mas também de comboio. Para além dos diversos programas de vindimas, existem dezenas de atividades de enoturismo. A mais simples inclui visita à adega, datada de 1764, ao Atelier do Vinho, à sala das barricas, à garrafeira subterrânea e prova de vinhos na sala panorâmica e com possibilidade de harmonização com diversos petiscos regionais (€7). Se desejar, pode passar um dia na Quinta Nova Nossa Senhora do Carmo, com visita, prova de vinhos e almoço (€70). Pode também ser “Enólogo por um Dia” (€55), fazer um curso de vinhos (preço sob consulta) e até conhecer a região de helicóptero (desde €325) ou de barco. Existem diversos percursos pedestres pela quinta, devidamente identificados.
Quinta Nova, Covas do Douro. Tel. 254 730 430

Quinta do Vallado
A história do Douro tem aqui um lugar muito especial. A quinta, construída em 1716, pertenceu à lendária Dona Antónia Adelaide Ferreira. Hoje são os seus descendentes que gerem uma das mais conhecidas marcas do Douro, com produção própria de vinhos de mesa e do Porto. Também a oferta de enoturismo conheceu grande desenvolvimento nos últimos anos, graças à construção de uma nova ala de alojamento, com oito quartos, feita essencialmente de xisto, que complementou a oferta de cinco quartos no solar (desde €120). Os hóspedes da Quinta do Vallado têm acesso a diversas atividades vínicas a preços especiais, como cursos e workshops vínicos (€35/€50), ou até piqueniques nas vinhas e passeios no rio. Para quem está de passagem, a visita à adega e a prova de cinco vinhos custa €25. Se optar por uma prova completa de Vinhos do Porto, harmonizada com chocolate, o valor sobe para €150. Existem programas de vindimas e a possibilidade de organizar jantares vínicos. Recentemente, o Vallado “estendeu-se” à Casa do Rio.
Vilarinho dos Freires, Peso da Régua. Tel.: 254 318 081

Quinta das Carvalhas
Esta enorme propriedade de 600 hectares, 120 de vinha, conserva a personalidade duriense no seu expoente máximo. Aconselha-se vivamente a visita Vintage (€20), conduzida por Álvaro Martinho, duriense de berço e apaixonado pelo terroir único da região, que parece conhecer cada pé de vinha e cada erva daninha pelos aromas. Num dos pontos mais altos da Quinta das Carvalhas, última paragem desta intensa viagem, deixe-se deslumbrar pela paisagem e pelo silêncio, rodeados pela Natureza que o homem, ao longo de séculos, neste local difícil foi dominando. A vinha, mas também a mata e os jardins, a história do vinho e das pessoas que trabalham a terra, integra uma visita para sentir de perto o Douro, que culmina com prova de dois vinhos de mesa e um Porto da casa. Birdwatching, provas de vinhos temáticas, passeios pedestres pela quinta e uma paragem junto à emblemática Casa Redonda da Quinta das Carvalhas, situada a 550 metros de altitude, são diversas possibilidades para explorar esta quinta secular (a partir de €8), cujas primeiras referências escritas remontam a 1759.
EN 323, Pinhão, São João da Pesqueira. Tel. 254 738 050

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram e no Twitter!