Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Mesa

José Avillez é o Chef do Ano - Boa Cama Boa Mesa 2018

  • 333

Photographer: Bruno Calado

O chefe José Avillez recebeu dia 27 de março, na cerimónia de apresentação dos prémio do guia Boa Cama Boa Mesa, o Prémio de Chefe do Ano 2018. É a segunda vez que lhe é atribuída tal distinção (a primeira foi em 2013), e justifica-se pelo percurso impar percorrido desde 2005, que o tornou no maior dos chefes nacionais e uma referência a nível internacional.

Em abono da verdade, não era preciso o “Grand Prix de l’Art de la Cuisine”, atribuído pela Academia Internacional de Gastronomia para provar que José Avillez é um dos melhores chefes do mundo. O percurso do ainda jovem chefe (tem 39 anos) já o indicava e este prémio foi, apenas, mais um de uma carreira que tem tudo para ser verdadeiramente exemplar. Começou com uma licenciatura em Comunicação Empresarial pelo Instituto Superior de Comunicação Empresarial, onde foi autor de uma tese dedicada ao estudo da identidade e da imagem da gastronomia portuguesa.

Mais tarde, o contacto com os tachos surge na cozinha da Fortaleza do Guincho e depois no restaurante El Bulli, Barcelona, num estágio profissional. Pelo caminho, em 2005, recebe a distinção de “Chef d'Avenir”, que significa “Chefe do Futuro”, pela Academia Internacional de Gastronomia. No regresso a casa, aceita o desafio de revitalizar o “mítico” restaurante Tavares, em pleno Bairro Alto em 2008, conquistando a primeira estrela Michelin no ano a seguir.



Quando decide apresentar-se em nome próprio, escolhe o Chiado para abrir o Cantinho do Avillez, em 2011. Um ano depois era a vez do Belcanto abrir portas, ao lado do Teatro Nacional de São Carlos. Confirma, atrás dos fogões, tudo o que deixava antever, conquistando uma nova estrela Michelin, um ano depois da inauguração, chegando às duas estrelas em 2014. No ano anterior, ganha o Garfo de Platina do guia Boa Cama Boa Mesa do jornal Expresso, galardão que volta a receber este ano.

Num resumo mais biográfico e, necessariamente, curto, José Avillez nasce em Lisboa a 24 de outubro de 1979, inicia-se nas artes culinárias com aulas particulares com Maria de Lurdes Modesto. Em 2005 recebe o prémio “Chef d'Avenir”, da Academia Internacional de Gastronomia, tornando-se chefe executivo do Restaurante Tavares de 2008 a 2011. Neste ano abre o Cantinho do Avillez, um ano depois o Belcanto e em março de 2013 a Pizzaria Lisboa.

O Café Lisboa, no Largo de São Carlos abre no mesmo ano e em março do ano seguinte é a vez de abrir portas ao Mini Bar, no Teatro de São Luiz, em Lisboa e do Cantinho do Avillez no Porto. Em 2016 dá nome ao Bairro do Avillez, juntando conceitos tão diferentes como uma mercearia, uma taberna, e um páteo, aos quais se juntam o Beco e a Cantina Peruana com o chefe peruano Diego Muñoz.



No final de 2017 e aceitando o desafio do El Corte Inglés Lisboa, marca presença no Gourmet Experience com três conceitos diferentes: a Tasca Chic, um restaurante sofisticado e contemporâneo com sabores portugueses, o Jacaré, um carnívoro vegetariano, e o Barra Cascabel, um espaço com os melhores sabores mexicanos que resulta de uma parceria com o chef Roberto Ruiz.

Já este ano abre A Pitaria, um espaço informal e descontraído, com sabores inspirados na cozinha do Médio Oriente, servidos em pão pita e mais recentemente, e mais recentemente surpreende com a abertura da Cantina Zé Avillez, onde serve receitas clássicas, em doses generosas, cheias de memórias, as de casa da mãe e da cozinha tradicional com que qualquer português nasceu e se habituou a crescer.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!