Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Mesa

Restaurante Louro: reinventar a tradição no Conrad Algarve

  • 333

Na nova carta, os produtos locais e da época ganham um especial destaque numa ementa pensada para ser despretensiosa, fresca e contemporânea

Engane-se quem pensa que não se toca na tradição e quem julga que um clássico da gastronomia não pode ser alterado. A verdade que há espaço para mudar, recriar e arriscar nos sabores genuínos, desde que respeitando os produtos e as estações. A prova é mais do que evidente e chega à mesa todos os dias, das 12h00 às 16h00 para almoços e das 18h às 22h30 para jantares no restaurante Louro, no Conrad Algarve.

Desta vez Osvalde Silva superou-se. Chefe executivo de um dos espaços de referência do elegante e premiado Conrad Algarve, propôs-se a reinventar os mais tradicionais sabores portugueses, de forma despretensiosa, o que resultou numa carta fresca que veio transformar por completo o restaurante Louro. Respira-se cada vez mais Portugal, o Algarve e a região, sem deixar de puxar para os tachos e panelas toda uma portugalidade que, cada vez mais, faz do país e deste destino a sul, o paraíso dos amantes da gastronomia.



Na nova carta do restaurante Louro há agora uma entrada de “Salmão Curado, com pickle de beterraba, rabanete & maçã Granny Smith e gel de salsifi” (€14) ou um tão tradicional “Xerém de Ameijoas”, que surge com “carabineiro 48ºc, xerém algarvio, gel de coentros e torresmos” (€22). As novidades da carta passam ainda pela “Sopa de Peixe”, naturalmente confecionada com peixes da nossa costa e ainda na companhia de um ravioli de carabineiro (€15), pelo “Bacalhau Fresco” (€32), e pelo “Polvo à Lagareiro” (€32) servido de forma inusitada com puré de feijão branco e coco, grelos salteados, paiola alentejana e maionese de alho.



Osvalde Silva
apresenta ainda, na carta do restaurante Louro, o “Tornedó Rossini” que apresenta um lombo de novilho assado, foie gras, batata cilíndrica, micro legumes e molho Madeira (€38), e outras novidades, desenhadas para partilhar. Para dois há “Cataplana Algarvia” (€70) e “Peixe ao Sal” (€75). Naturalmente, as sobremesas não foram esquecidas, apresentando-se agora, na carta, a “Flor de Laranjeira”, uma combinação algarvia com compota de laranja, pudim de alfarroba, gelado de flor de laranjeira e crumble de amêndoas (€12) e ainda a “Baunilha do Tahiti” (€14).



Mais do que uma ementa tradicional, a nova carta do restaurante Louro (Conrad Algarve, Estrada da Quinta do Lago, Almancil. Tel. 289 350 700) é inspirada na gastronomia típica portuguesa, uma surpresa e uma boa razão para, mesmo com o verão a dizer adeus, voltar a viajar para o sul e (re) descobrir o Algarve.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!