Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Mesa

Restaurante Grigio: Simplicidade mediterrânica na portuense Rua do Almada

  • 333

A identidade luminosa e sóbria do Grigio em nada faz antever a tradução do nome por cinzento. Colorido também na carta, apresenta uma abordagem mediterrânica da cozinha, com destaque para a sua faceta mais italiana cultivada num forno a lenha.

O cinza da parte exterior do forno a lenha, mas não há muitos espaços cinzentos neste restaurante mediterrânico e italiano instalado desde outubro na Rua do Almada, no Porto O próprio forno, cinzento e redondo por fora, dentro do balcão forrado a azulejos, é de um quente cor de laranja no interior, sempre que a lenha acesa aquece também o ambiente.

À mesa clara e sóbria do restaurante Grigio (Rua do Almada, 344, Porto. Tel. 915 551 669) chegam sabores do sul da Europa, com destaque, na carta, para os carpaccios, as saladas, as pastas e pizzas, os bifes mas também o polvo e o bacalhau.

Em duas salas e outros tantos terraços – apenas um, coberto, que é possível usar mesmo em dias chuvosos, em funcionamento pleno – a aposta é na sobriedade, da decoração à carta.

Logo à entrada do restaurante Grigio, um balcão onde se confecionam e trabalham os pratos que vão ao forno a lenha, redondo e imponente com a sua presença indispensável, logo no início da refeição, para cozer o pão rústico quente que chega à mesa como couvert, acompanhado de manteiga de enchidos.

Se visitar o restaurante Grigio ao almoço, o menu executivo é uma boa opção. Composto por couvert, sopa, prato principal – à escolha entre pizza, peixe ou carne - e bebida, fica por €10.

À carta pode optar pela matriz mais diferenciadora das especialidades do chefe, Flávio Palma, como o Bacalhau Grigio (€13), ou o Ossobuco trufado (€36).


Apesar de se assumir mais como restaurante mediterrânico do que italiano, no campeonato de opções apresentadas na ementa deste Grigio ganham as pizzas: São 12 variedades, desde a clássica Margarita (€9) à de Camarão tigre (€15,50). Diversidade de lasanhas, como a vegetariana (€8,90); de salmão (€9,80) e a clássica bolonhesa (€9,40) concorrem com saladas, pastas e bifes adequados a diversos apetites que culminam com sobremesas como a tradicional Panna cotta (€3,50), servida com compota de alperce; o Tiramisú desconstruído (€4,90) ou um Carpaccio de ananás em vinho do Porto (€3,90).

No andar de baixo do restaurante Grigio encontra uma sala mais privada, para já reservada a jantares de grupo, com um pequeno terraço onde, lá mais para o verão, um bar ao ar livre promete fazer companhia à para já solitária oliveira.

O Grigio encerra à segunda-feira e nos restantes dias da semana funciona entre as 12h00 e as 15h00 e das 19h00 às 00h00. Ao fim de semana, sexta e sábado, o horário é alargado até à 1h00.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram e no Twitter!