Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Mesa

Restaurantes (quase) secretos para comer bom peixe no Algarve!

  • 333

Do mar para a mesa...

Rui Duarte Silva

Não fazem parte nem de roteiros nem de guias estrelados, mas são, provavelmente, os melhores restaurantes para comer o peixe mais fresco de toda a região algarvia.

Há um imenso Algarve gastronómico para descobrir, que não faz parte de roteiros, mas onde se encontra o melhor que o mar pode oferecer. São locais discretos, habitualmente frequentados por quem vive no Algarve. Em comum apresentam simplicidade, preços em conta e, o mais importante, uma mão certeira quer na brasa quer no tempero. Descubra neste roteiro Boa Cama Boa Mesa oito restaurantes que quase ninguém conhece para comer o melhor peixe do Algarve.

Os Manos

A especialidade da casa são as espetadas de lulas ou de tamboril, mas há sempre, pelo menos, 18 qualidade de peixe sempre prontas para grelhar no carvão. As anchovas são sempre “das grandes”, perfeitas para deitar sobre a brasa, mas assume-se, com este tempo são as sardinhas o peixe que mais sai. Antes de espreitar a carta, dê uma vista de olhos à vitrina para ver as especialidades do dia. Qualquer peixe acompanha com uma salada montanheira, com tomate, pepino, pimento e cebola, orégãos. Ao fim de semana há papas de milho, ou xerém, de oferta para todos os clientes. Preço médio: €20. Rua Professor Doutor Egas Moniz, 94, Faro. Tel. 289 817 335

O Américo – Rei do Peixe Assado

Convém levar fome, uma vez que o peixe, aqui, não para de chegar à mesa, acabado de sair do grelhador. De grandes dimensões, especializou-se no Rodízio de peixe, que inclui sempre dourada, robalo, salmão, sardinha, carapau, bicas e besugos, para além do que nesse dia pela fresca chegar ao mercado. O melhor de tudo é que por pessoa o rodízio só custa €10. Há também o peixe assado no forno, mas no tempo quente é o da grelha quem tem mais procura. EN 125, Torrejão, Olhão. Tel. 289 323 007

Casa Chico Zé

Fica na berma da estrada da famosa EN 125, dois quilómetros antes de Lagos. Não aceita reserva, pelo que se recomenda chegar cedo ou ter paciência para aguardar que uma mesa vague, apesar da generosa dimensão da sala e da esplanada. Especialistas em peixe, usam apenas o sal e as brasas para preparar o que a lota apresenta diariamente. Só serve almoços. Preço médio: €15. Estrada Nacional 125, Sítio da Torre, Odiáxere. Tel. 282 798 205

O Retiro

Especializaram-se nos grelhados, servindo apenas peixe fresco, variando as propostas consoante o que os pescadores conseguem apanhar na noite anterior. Mas há quase sempre sardinha, salmonetes e cherne. Da carta é raro saírem os robalos e as douradas. Há ainda atum nacional, sendo a barriga, levemente grelhada, o prato com mais procura. Atente à garrafeira, muito completa, com referências Douro, Alentejo e Algarve. Preço médio: €25. Fonte de Boliqueime, 118, Loulé. Tel. 289 366 339

O Ramos

Serve, o peixe fresco, para preparar um magnífico arroz ou uma típica cataplana. Na carta há sempre um peixe de grandes dimensões, como a corvina, para levar às postas a dourar ao lume. Também de perto do restaurante chega o lingueirão para servir em arroz ou simplesmente aberto ao calor. Na carta procure ainda por sardinha, carapau, sargo, besugo ou pargo que não se irá arrepender. Preço médio: €20. Rua Professor Doutor Egas Moniz, 179, Faro. Tel. 289 818 481

Casa de Pasto Zé Leiteiro

A proximidade com a praia dos pescadores augura de imediato que aqui seja sempre fresco o pescado servido á mesa, nesta casa que ainda mantém a designação clássica de Casa de Pasto. Não há ementa, nem é precisa, uma vez que há só um prato à escolha dos clientes. Aqui serve-se rodízio de peixe grelhado, sempre com robalo, corvina, salmão, lulas, carapau e safio. O acompanhamento habitual é de batatas cozidas e de salada algarvia, que leva tomate, cebola pimento assado, pepino e orégãos. As bebidas e as sobremesas são pagas à parte. A dose custa €12,50. Rua Portas do Mar, 17, Armação de Pera. Tel. 282 314 551

A Grelha do Ti Manel

O tempo de espera entre peixes, que parecem saltar da grelha para a mesa num veloz rodízio é mínimo, até porque esta é a grande espacialidade da casa. Varia a oferta consoante a generosidade do mar, mas garante-se a frescura de cada exemplar servido, seja inteiro, escalado ou à posta. À dose servem-se salmão, robalo, dourada e chopas, bem como sardinha, cavala, carapau, besugo e safia. Acompanha com salada, ou à algarvia ou à montanheiro. Preço médio: €25. Estrada da Galé, Vale Rabelho, Albufeira. Tel. 289 591 851

A Caravela

Em termos competitivos, a localização desta casa ganha à concorrência, uma vez que fica mesmo em frente do mercado do peixe da Quarteira. Garantem que se faltar alguma coisa é só atravessar a rua e desde que haja no mercado, salta de imediato para as brasas. Os preferidos do público são o robalo, a dourada, o peixe espada, a incontornável sardinha, o carapau e ainda o besugo. Recomenda-se ainda a cataplana de tamboril e a raia alhada. Preço médio: €25. Largo do Mercado, Quarteira. Tel. 289 312 280

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!