Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Cama

The Yeatman: estrelas no céu e platina na terra

  • 333

Impressionante, o The Yeatman ainda vai crescer: em Maio abrem 25 quartos superiores e uma nova Suíte Presidencial com piscina privada. A carta de primavera, do seu restaurante premiado, revela a acentuada veia criativa do chef Ricardo Costa e está mais divertida do que nunca

Tal como, para Fernando Pessoa, faltava “cumprir-se Portugal”, é caso para dizer que faltava também cumprir-se a Chave de Platina do The Yeatman. O prémio, com que o Guia Boa Cama Boa Mesa distingue os melhores hotéis do país, chega pela primeira vez, em 2018, a este magnífico cinco estrelas. E assenta-lhe como uma luva, fina e requintada, feita à medida da sua grandeza.



As alusões ao mundo do vinho são naturais. O The Yeatman (€185 a €345) foi o primeiro hotel vínico de luxo a abrir em Portugal, em Agosto de 2010. Implantou-se na zona das caves de envelhecimento do vinho do Porto, em homenagem à história família Yeatman, que iniciou o comércio de Vinho do Porto em 1838. Os descendentes mantêm essa tradição e são os proprietários da The Fladgate Partnership, empresa que detém o hotel e as marcas Taylor’s, Croft, Fonseca e Wiese & Krohn.



O The Yeatman associou-se a 83 parceiros vínicos e todas as semanas organiza jantares vínicos, onde se podem provar as melhores referências das várias regiões. É ainda possível visitar a garrafeira - mediante disponibilidade e de preferência por marcação -, que alberga cerca de 1200 referências, 27 mil garrafas e tem uma nova zona para provas e masterclasses. Beatriz Machado, diretora de vinhos do hotel, é a “artesã” principal deste precioso mundo vínico.

Os 83 parceiros deram o seu nome a outros tantos quartos e suítes, todos com terraço privado e a mesma vista épica para o Porto e o rio. Personalizaram cada alojamento com fotografias e outros objetos alusivos à região e às tradições do produtor. As dormidas conseguem ser singulares. Além do conforto dos quartos executivos e superiores, as 12 suítes proporcionam um elevado nível de luxo. Na Bachus Suite, dorme-se numa incrível cama rotativa e usufruiu-se de um jacuzzi em cobre, junto à lareira. O enorme terraço exterior, com uma pequena fonte e espreguiçadeiras, é perfeito para relaxar nas noites quentes de verão. Destaque ainda para a Artist Suite, bastante ampla, com cama king size, cabine de duche dupla e banheira com vista panorâmica. E o que dizer da espetacular Master Suite da Taylor's, com a cama inserida num balseiro!

Como se já não fosse impecável, o The Yeatman (Rua do Choupelo, Vila Nova de Gaia) está a ser ampliado. Em Maio, abrem mais 25 quartos superiores, privilegiando as áreas familiares, e uma nova Suite Presidencial com piscina privada. O crescimento - que se segue à ampliação do restaurante Orangerie para um jardim de inverno - será acompanhado pelo aumento de parceiros vínicos e de referências a copo disponíveis no wine journal.

Cada pequeno espaço deste hotel vínico respira requinte e sofisticação mas à mesa a proposta é para descontrair e desfrutar. Ricardo Costa comanda sempre seguro o único restaurante com duas estrelas Michelin a Norte do país: A sua cozinha respeita sabores e tradições de sempre, mas é temperada com nova dinâmica, uma acentuada veia criativa e está mais divertida do que nunca.



Porque num dos melhores restaurantes portugueses também se pode trazer à mesa um (nada) banal frango de churrasco, há aproximações à cozinha de conforto e percursos até paragens distantes, como a Ásia. Cor, picante e minúcia marcam presença, resultado de uma viagem que trouxe na bagagem novos horizontes gastronómicos ao chefe. Convida-nos também ao prazer de viajar. Com apontamentos surpreendentes e conjugações das que fazem a confeção dos ingredientes uma arte, o novo menu de degustação do The Yeatman é uma verdadeira passagem por terras distantes e outras próximas, por sabores familiares e outros a estrear.

Do Japão a Aveiro, da Tailândia à Mealhada, a tradição portuguesa reveste-se de pormenores internacionais, apontamentos coloridos e muito sabor equilibrados pela sempre certeira seleção de vinhos portugueses deste que é um dos seus mais seguros embaixadores. Preparamos o corpo com o ritual do chá. Vamos à churrasqueira e à marisqueira para depois experimentar uma tradicional sopa tailandesa. Não faltam o Choco, o Lavagante e a Raia, nem o Bacalhau, revestido de Ovos, todos com roupagens surpreendentes. Leitão e Pombo, em arroz caldoso, satisfazem nas carnes. No final, refresca-se o palato com piña colada antes de fechar com uns brilhantes Mirtilos, a ficar na memória. Uma viagem, uma aventura que custa €160 por pessoa e pode ser acompanhada por uma das várias propostas de pairing de vinhos.



Dentro do universo The Yeatman, há “galáxias” para onde apetece viajar, sem regresso. A melhor forma de terminar em beleza esta aventura, é descobrir os brilhantes dois mil metros quadrados do Spa. Em harmonia com o tema do hotel, disponibiliza tratamentos com produtos Caudalie, à base de ingredientes extraídos da vinha, com propriedades antioxidantes. Convém (mesmo) “perder-se” neste oásis com dez salas de tratamento, sala de relaxamento, banho romano, duche vichy, hammam, sauna e tepidarium. Há ainda um ginásio e uma belíssima piscina interior com design de artista e onde os azuis da água se confundem com a icónica imagem do casario portuense.

Dois dos tratamentos de assinatura são a Experiência de Banho Barril, num jacuzzi com jactos de imersão que inclui produtos derivados de extratos de uva e uma massagem cranial, e ainda o Banho de Uva: uma hidromassagem enriquecida com um extrato de graínha de uva “para limpar e amaciar a pele, deixando-a purificada e sedosa”.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!