Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Cama

Ameal Wine & Tourism Terroir: Surpresa no coração do Minho

  • 333
1 / 9

2 / 9

3 / 9

4 / 9

5 / 9

6 / 9

7 / 9

8 / 9

9 / 9

Esconde-se nos arredores de Ponte de Lima, este espaço único, entre o rio e as vinhas. Uma espécie de refúgio privado para descobrir, de preferência com um copo de vinho na mão

Por toda a parte onde se apreciam vinhos brancos, o nome Quinta do Ameal é um sinónimo instantâneo de qualidade e inovação. Feitos a partir da casta Loureiro são vinhos pensados ao detalhe em cada fase de produção, o que lhe confere uma longevidade fora do usual e uma quase improvável aceitação, quer pelos críticos quer pelos consumidores. O rigor com que são produzidos estes vinhos começa na poda, limitando-se o rendimento, se necessário, para cerca de 5 toneladas por hectare, contrapondo com as habituais 15 toneladas por hectare da casta Loureiro. Depois faz-se uma seleção restrita das uvas, fundamental para fazer bons vinhos brancos, atrativos e complexos, além de uma vindima manual para caixas de 22 Kg.

Não há, na Quinta do Ameal, um segredo bem guardado no que ao vinho diz respeito. Aliás, todo o processo está à vista de quem o queira ver, num ambiente requintado, elegante e até com detalhes de luxo improváveis numa unidade quase escondida entre o verde da natureza e as infindáveis vinhas que rodeiam a propriedade. O Ameal Wine & Tourism Terroir é o nome dado a esta proposta que, mais do que um turismo de habitação, é uma experiência como poucas, quer a norte do território, quer a nível nacional.

Recomenda-se atenção, antes de entrar no Ameal Wine & Tourism Terroir, quer às frondosas matas, quer a todo o ambiente campestre impresso na paisagem pelo caminho até chegar ao edifício principal. Depois, antes de escolher um dos alojamentos, será porventura melhor calcorrear os caminhos cuidados pelo meio da floresta, que levam até às águas frescas do rio Lima que limita a propriedade. Só após este obrigatório passeio chega o momento de escolher o local para ficar, o que, avise-se já, não vai ser tarefa fácil.

Caso pretenda ir em família ou com amigos, a Casa entre Bambus e Vinha é o local ideal. Afastada da casa principal, tal como o nome indica, encontra-se no meio de um manto verde, rodeada de bambus e vinhas, com privacidade, sossego e elegância. Com uma sala comum completamente equipada, tem dois quartos onde não falha nenhum detalhe, seja ao nível do aquecimento ou da refrigeração, seja ao nível do conforto ou da sofisticação. Cada um dos quartos tem um chuveiro exterior, absolutamente privado que remete o imaginário dos hóspedes para paraísos tropicais apenas acessíveis depois de incontáveis horas de avião.

As restantes ofertas são suítes igualmente privadas, batizadas segundo a vista que deslumbra de cada uma das janelas. Há a Camélia, na primavera aromatizada pelas flores que polvilham o ambiente com um perfume singular, a Glicínia, igualmente colorida e ainda a Jardim, cheia de verde onde os pássaros passeiam como que a cumprimentar quem aproveita o fresco para ler, conversar ou simplesmente descansar. Em todas elas há, além da privacidade absoluta, noites reconfortantes em camas de tamanhos generosos, banhos retemperadores nos enormes chuveiros ou nas sedutoras banheiras, e deslumbrantes pequenos-almoços levados à porta numa cesta tradicional, onde o cheiro do pão acabado de fazer e do sumo espremido das laranjas fazem da experiência um caso singular em Portugal. Os preços começam em €195.

O Ameal Wine & Tourism Terroir é uma verdadeira surpresa no coração do Minho, um espaço polivalente que, além do que oferece dentro da propriedade secular, está próximo quer de praias deslumbrantes, quer de cidades dinâmicas e cosmopolitas.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram e no Twitter!